Press "Enter" to skip to content

Touch ID do iPhone 5S não funcionará com digitais artificiais

sensor iphone

Quando surgiu o boato da presença do sensor biométrico no então “novo iPhone” logo apareceram comentários maldosos – ou não – colocando que agora além de roubarem nosso celular, os ladrões iriam cortar nosso dedo para então poder utilizar o iPhone.

O G1, portal de notícias da Globo, publicou – com um título um tanto quanto estranho – uma notícia colocando que se por ventura o ladrão cortar o dedo da vítima, isso não seria suficiente para desbloquear o iDevice. Isso porque, segundo especialistas em segurança, o sensor adotado pela empresa cupertiniana lê apenas camadas inferiores da pele, exigindo que haja fluxo sanguíneo para que a digital seja escaneada, descartando assim a possibilidade de uso de fitas adesivas, silicone e outros materiais que absorvam a digital do usuário para desbloquear o iGadget.

Se sente mais tranquilo sabendo disso? Só falta os ladrões também saberem.

Já conhece o novo iPhone? Leia mais nesse post escrito pelo André Bazaglia.