Press "Enter" to skip to content

Samsung inova antes da Apple e lança Galaxy Gear, um relógio inteligente

galaxygear

Em evento realizado agora há pouco, a sul-coreana Samsung, uma das maiores concorrentes da Apple, dá vida à ideia de um relógio inteligente com o Galaxy Gear, um smartwatch que terá suas vendas iniciadas no final do mês por US$299. JK Shin, chefe da Samsung, explana, representando sua empresa, um posicionamento bastante convincente: “Eu acredito que ele [o Galaxy Gear] se tornará um ícone de moda em todo o mundo”. Para um relógio, seu hardware é interessante: tela AMOLED de 1.63 polegada, processador 800MHz e 512MB de RAM. A bateria é de 315mAh – a Samsung diz que ela é suficiente para o uso do relógio de maneira “regular” em um dia. Achei pouco. Ah, empresas, por que vocês não entendem que nós, consumidores, amamos produtos que se destacam pela durabilidade da bateria?

Paralelamente ao Galaxy Gear, o Galaxy Note, o produto da Samsung que o universo ainda não conseguiu definir se é um tablet ou smartphone, chegou à sua terceira versão. Tela Full HD SuperAMOLED de 5.7 polegadas, 168g de peso, processador Snapdragon 800 com clock de 2.3GHz – ou Exynos Octa 1.9GHz –, 3GB de RAM, nova S Pen, bateria de 3.200 mAh, bluetooth 4.0 e três cores distintas (incluindo o rosa). É assim que a Samsung nos apresenta o Galaxy Note.

note-scrapbook

Tanto o Galaxy Note 3 quanto o Galaxy Gear terão suas vendas iniciadas em 25 de setembro, em 149 países. É, Apple, a Samsung chegou na frente com um relógio inteligente e um celular que, apesar de exageradas 5.7 polegadas de tela, possui um hardware incontestavelmente incrível – muitíssimo superior do que as configurações de qualquer iPhone ou iPad.

Espero, de verdade, ser impressionado pela Apple em 10 de setembro. Até lá! 😉

Com informações, TC: [1 | 2].