Press "Enter" to skip to content

Primeiro computador pessoal da Apple é vendido por uma bagatela de aproximadamente R$ 357 mil.

Desde seu primeiro projeto a Apple inovou e surpreendeu o mundo, como faz até os dias atuais. Em 1976 foi lançado o Apple One, o primeiro computador pessoal da nossa amada Maçã. O produto era revolucionário, uma vez que era o primeiro computador pessoal que incluía juntamente com a placa mãe, um teclado (bem esquisito) e uma tela, onde podia ver os dados gravados.  Antes dele, os computadores eram gigantescos e as peças eram vendidas de maneiras separadas para montagem, sem contar que somente as grandes empresas detinham o uso dessa tecnologia.

O computador foi criado por Steve Wozniak, que recebeu a parceria de Steve Jobs para montar a empresa.  A princípio, Wozniak pensava em poder ajudar as pessoas, em geral, e lançou o projeto sem exigir direitos autorais, mas Steve Jobs deu um “empurrãozinho” e o convenceu de ganhar dinheiro com o produto, só então fundaram a Apple.

Para se ter noção do hardware utilizado no computador, pode-se comparar a aparelhos atuais, por exemplo, o Apple One tinha um processador cerca de mil vezes mais lento que o iPad (tablet da empresa). O preço na época era relativamente barato comparado aos atuais, por apenas US$660, as pessoas podiam levar o seu Apple One para casa.

OBS: foram produzidas apenas 200 unidades do produto.

Bem, depois dessa aula de historia, vamos ao que interessa: a venda dessa máquina.

Foi vendido em Londres (Inglaterra), pela casa britânica de leilão Christie’s, um Apple One, primeiro computador pessoal da maçã. O comprador foi um colecionador italiano chamado Marco Boglione, que pagou apenas 130 mil libras (aproximadamente R$ 357 mil). Marcos afirmou ainda que a máquina vai para sua coleção de computadores antigos.

Penso que seja um exagero por uma sucata, mas há quem diga que seja uma relíquia. Você pagaria tanto dinheiro para ter em sua casa o primeiro computador da Maçã? Deixe sua opinião. 🙂