iPod School

Pesquisa revela que 75% dos compradores do iPad Air possuem uma versão antiga do iPad

Otavio RicciottiOtavio Ricciotti

iPad Air

O analista Gene Munster, da Piper Jaffray, revelou o resultado de sua última pesquisa, que mostrou estatísticas do primeiro dia de vendas do novo iPad Air, que foi anunciado pela Apple no último mês.

Munster entrevistou 71 pessoas que compraram o novo modelo do tablet da maçã e constatou que os donos de iPad levam, em média, 23 meses para trocar de dispositvo, 7 meses a menos do que os 30 meses medianos do público geral. É interessante ressaltar que as pessoas estão optando por modelos com mais espaço interno, aumentando a média de espaço comprado para 59,7 GB – 10,2 GB a mais do que nas vendas do iPad 3.

Dos compradores do iPad Air (75%), apenas 18% desejam manter sua versão antiga do aparelho em uso – destes 18%, todos são donos de iPads mini. Dos que possuem a versão de tamanho reduzida do iPad, o mini (1ª geração), 76% disseram que pretendem manter o pequeno em uso, mas com prioridade no Air. Isto nos mostra que quem possui um iPad de 9,7″ pretende substituí-lo totalmente, e quem possui um modelo de 7,9″ pretende usá-lo como companheiro para o seu novo iPad. Em outras palavras, se um consumidor comprou e possui dois iPads, é mais provável que um deles seja um iPad e outro o iPad mini do que o os dois serem modelos de mesmo tamanho.

Notoriamente, 94% dos entrevistados já adquiriram um iPhone.

[com informações: MacRumors e iClarified]

  • Rodrigo

    Vou vender meu iPad antigo pra comrar o iPad Air! Sou um desses 75% kkk