shazam Shazam identificará roupas em programas de TV

Em matéria anterior, já explicamos que o Shazam usufrui do microfone do iPhone (ou iPod touch) para detectar qualquer música que esteja tocando no momento. A detecção é super rápida e confiável, e o resultado dá acesso ao nome da música, artista, álbum, letras, preview e link para a música no iTunes, caso disponível.

Continue lendo >

 Próxima atualização do Real Racing 3 salvará progresso do jogo no iCloud

Em fevereiro, resenhamos o recém-lançado game mais badalado da App Store brasileira: o Real Racing 3. O jogo gratuito que adotou o in-app-purchase como modelo econômico foi aprovado por nós. Seus excelentes gráficos e sua ótima jogabilidade garantiram sua admiração por nossa equipe.

Continue lendo >

fb home1 Mark Zuckerberg ama a Apple, mas não espera o Facebook Home para iOS

Título óbvio, não? A Apple é uma empresa exorbitantemente fechada. A maçã mordida tem tudo ao seu controle. Em parte, isso é ótimo pra gente: graças a essa predileção por ter o universo em suas mãos, o OS X e o iOS são, provavelmente, os sistemas operacionais mais estáveis para computadores e tablets/smartphones, respectivamente. Graças a isso, também, temos a App Store e a Mac App Store recheadas de conteúdo de qualidade. Por fim, a Apple cada vez mais trabalha para produzir o hardware e o software de seus aparelhos. Alan Kay, um dos pais do conceito de programação orientada a objetos, disse certa vez que quem leva software a sério faz seu próprio hardware, e acho isso super válido. Steve Jobs recitou sua frase 30 anos depois, mostrando que a Apple compartilha da mesma opinião.

Continue lendo >

iphone4s box Nomeação do iPhone: quando o simples fica complicado

Ken Segall trabalhou diretamente com Steve Jobs na Apple e NexT, prestando consultoria de marketing para a Apple. Ele foi um dos escritores da campanha “Think Different”. Desde então, teve forte influência em nomes dos produtos “cupertinianos”: primeiro com o iMac, depois com a consolidação do “i” antes dos nomes de produtos. iPhone, iPod, iPad, iBook [o notebook antigo, não o app iBooks, okay?], iLife e iWork são apenas alguns exemplos. Ken, referência no meio de marketing, é autor do livro “Insanamente simples: a obsessão que impulsiona o sucesso da Apple”. Mas… por que ele ganha destaque em uma matéria aqui no iPS? Achamos uma matéria recente publicada por ele muitíssimo interessante: “iPhone naming: when simple gets complicated”. Segue abaixo a tradução feita por nós, autorizada pelo próprio Ken:

Continue lendo >

Não é novidade para ninguém que, apesar de ser um smartphone recheado de recursos que se destacam em relação aos seus concorrentes, a câmera do iPhone nunca foi muito fantástica. A situação melhorou bastante nas gerações 4S e 5 do aparelho. Na sua quinta geração – atual –, o iPhone tem uma câmera de 8 megapixels. Cada vez mais, a Apple resolve seu eterno problema com fotos em situações de baixa luminosidade, mas… ainda não está bom; o motivo já é o suficiente para usuários do Nokia Lumia 920 enaltecerem seu smartphone.

iphone5vs4s LLBPano: o tweak melhora fotos panorâmicas em ambientes com pouca luz

Continue lendo >

pling ios Pling é um mensageiro de voz push to talk compatível com iOS e OS X

Compatibilidade com o iOS e com o OS X é o diferencial do Pling, o aplicativo que oferece um sistema de comunicação por meio do envio de mensagens de voz gratuitamente para os gadgets da Apple. Por enquanto – e até quando o Facebook expandir seu sistema de envio de mensagens de voz para a versão para computadores de seu website – o aplicativo é o primeiro da sua categoria que é compatível com smartphones e computadores, mesmo que funcione exclusivamente em equipamentos da marca da maçã mordida. Toda a mágica é sustentada por um design preciso que trás tudo o que poderíamos esperar de um mensageiro de voz push-to-talk.

Continue lendo >

facebook home1 Opinião: Facebook Home

Um bom mochileiro da galáxia sabe que existe uma teoria que diz que, se um dia alguém descobrir exatamente para que serve o Universo e por que ele está aqui, ele desaparecerá instanteneamente e será substituído por algo algo mais estranho e mais bizarro que a proposta do Facebook Phone. Existe uma segunda teoria que diz que isso já aconteceu. Nossa conexão com a internet é cada vez mais rápida e dinâmica; vivemos num ecossistema que nos obriga, em muitas situações, a estar sempre online. É isso que a empresa comandada pelo brilhante Mark Zuckerberg explora: o que o Facebook fez foi adaptar o Android, um excelente sistema operacional, para rodar o Facebook em primeiro plano. O resto é secundário. A ideia é, em um primeiro momento, genial, já que o Facebook permite o contato com as pessoas virtualmente da maneira mais eficiente possível, com suporte a todas plataformas, mensagens de texto, mensagens de voz, compartilhamento de arquivos, fotos e vídeos e, por último, a possibilidade de realizar ligações à lá as que você realiza pelo chip telefônico de sua operadora.

Continue lendo >

A aglomeração de conceitos do iOS 7 que vemos desabrochar no mundo da web são quase sempre divulgados na forma de vídeos curtos e nunca trazem, de maneira completa, uma mesclagem de várias novidades interessantes que a Apple poderia estudar e, possivelmente, implementar na próxima grande versão do seu sistema operacional para smartphones e tablets. Este conceito bem completinho ganhou, além de um álbum no Flickr, um vídeo de quase quatro minutos que expõe algumas ideias do seu autor.

Continue lendo >

ipad apple store Apple Store Online agora se adapta melhor a aparelhos touchscreen

Nesta madrugada, a Apple Store Online ficou fora do ar por alguns instantes. Nenhum produto novo foi anunciado e a mudança foi exclusivamente no design da loja virtual online. Os sliders de certas páginas, como a do iPad, agora são totalmente otimizadas ao toque em aparelhos touchscreen – como smartphones e tablets. A mudança visual e o novo slider em javascript também é perceptível em computadores.

Página 100109899100101102110