iPod School

Pagar para desenvolvedores não é o único plano da Microsoft para ampliar sua loja

André BazagliaAndré Bazaglia
ballmer-plane

Steve Ballmer, CEO da Microsoft, tem fama de “louco”.

O mercado de smartphones está cada vez mais competitivo: empresas gigantes inovam de maneiras inacreditavelmente brilhantes, sempre na tentativa de se engolirem. A Samsung fez isso quando lançou o Galaxy S4, o principal concorrente do iPhone; a Apple responderá quando lançar a próxima geração do seu celular; a Microsoft já entrou na briga cutucando a Samsung e possui um plano bastante inteligente para ganhar mais espaço no mercado.

A ideia atual da gigante de Redmond é atrair desenvolvedores e diversificar sua loja de aplicativos, fazendo o contrário do que a Apple faz. Para desenvolver dentro da App Store, desenvolvedores devem pagar uma taxa de US$99 por ano. Para programarem dentro do Windows 8 ou Windows Phone 8, a Microsoft paga US$100 para os desenvolvedores por cada um de seus apps feitos. O plano é por tempo limitado, mas a empresa diz que já pensa grande para continuar atraindo aplicativos para seu sistema operacional, para ele não ficar tão para trás da nossa gigantesca e incomparável App Store. Será que o Windows Phone continuará crescendo e atraindo mais usuários? Aguardemos as próximas semanas.

[fonte: BGR].

Programador, blogueiro, estudante de Engenharia de Computação. Em busca de deixar sua marquinha no universo.

  • Dante

    O que vai ter de programa "Olá Mundo" no Windows Market nao vai estar escrito… kkkkkk

  • Philip

    É mais nenhuma loja de apps lucra mais que a apple store.