iPod School

Opinião: o iTunes Match não é tudo aquilo que esperávamos

André BazagliaAndré Bazaglia

No mesmo dia em que o iTunes Match foi lançado, fui correndo conseguir algum contato que possuísse residência nos Estados Unidos, assim como um cartão local de lá, que pudesse me ajudar a assinar o serviço, já que o mesmo não está disponível para nós, brasileiros, e nem mesmo é possível comprá-lo utilizando um Gift Card com uma conta americana. Consegui tal contato que pudesse assinar o iTunes Match com minha conta para mim rapidamente, e depois de alguns dias utilizando o serviço, já pude chegar à minha conclusão sobre ele, que passarei à vocês por meio desta matéria.

O que o iTunes Match faz?

Simples: escaneia suas músicas e associa uma por uma à música correspondente na iTunes Store. Quando ele não acha certa música de sua biblioteca na iTunes Store, ele as envia para o iCloud. Ele “legaliza” suas músicas, e eleva a qualidade delas para 256kbps.

Para quem ele é útil?

Se você gosta de comprar CD’s e ripá-los antes de adicionar à sua biblioteca, o serviço é perfeito para você! Mas se, assim como os outros 99,99% da população brasileira, não faz isto, passe longe do iTunes Match. Se você é como eu e sempre que vê um pendrive com músicas sai correndo para importá-las para o seu iTunes, saiba que o iTunes Match apenas dará conta de uma funcão para você: fazer upgrade de suas músicas para uma qualidade melhor, à 256kbps (geralmente os arquivos de músicas .mp3 que encontramos por aí é de 128kbps). E ainda assim, como eu já disse acima, o processo não é automático, você deve apagar toda sua biblioteca, literalmente, e baixá-la de novo, uma de cada vez. É algo horrível de se fazer, e totalmente fora dos padrões que eu esperava que a Apple adotaria para o iTunes.

Observacão: Não estou dizendo que o iTunes Match é inútil para os brasileiros porque geralmente é cultural do brasileiro baixar música de forma ilegal, estou dizendo que até para os americanos o serviço poderia ser melhor: acredito que ninguém gostaria de ter que apagar toda sua biblioteca e baixar tudo manualmente, música por música, para ter a qualidade de suas músicas melhoradas. Minha recomendacão à todos vocês é o teste do Google Music, que faz praticamente tudo que o iTunes Match faz e ainda é GRATUITO. Recomendo que você teste ele, neste quesito, acho que a Google superou a Apple, e a Apple precisa correr um pouco atrás. 😉

Se você pensa em comprar o iTunes Match para ter toda biblioteca do seu iTunes organizada, esqueca. Ele só melhorará a qualidade das que estiverem disponíveis também na iTunes Store para 256kbps, e mesmo assim, o servico não é tão mágico assim, pelo mesmo motivo que repeti duas vezes acima: você deve apagar sua biblioteca inteira, o upgrade para 256kbps não é automático.

Atualização: De acordo com uma dica que o Alexandre Torres me enviou, você pode criar uma SmartPlaylist no iTunes que liste todas suas músicas de 256kbps e clicar no ícone da nuvem ao lado dela na barra lateral para baixar todas suas músicas de uma vez, depois de deletá-las. Ainda assim, acho que a Apple deveria ter feito algo mais simples, mais do jeito dela, para realizar o upgrade das músicas “automagicamente“.

Programador, blogueiro, estudante de Engenharia de Computação. Em busca de deixar sua marquinha no universo.

  • André, "escaneia suas músicas e *acossia* uma"

  • André, acho que tem um erro em "escaneia suas músicas e *acossia* uma"

  • Filipi Lamin

    para eu, o iTunes Match é inutil, se é só para legalizar e pegar a verção em 254kps da itunes store não me interessa nem um pouco.
    minhas musicas são tudo em Apple Lossless ripadas de meus cds originais. Pagar uma taxa anual para ter musicas em qualidade inferior e nem ter serviço de streaming. Passo

    • Victor

      Concordo, inutil, no meu caso ele só diminuiria os arquivos de 320kbps para 256kbps, TODAS as minhas musicas são albuns completos com capa do album até letra da musica em 320kbps, inclusive no iPhone eu escuto elas em 320kbps.

  • o iTunes Mach é legal nos dois sentidos da palavra. PEna que no Brasil não fará muito sucesso, por que o brasileiro, em sua maioria, é muito FDP para comprar pagar por algo que ele já tinha de graça.

  • Juliano César

    sem contar que vai ocupara mais espaço no seu HD.

  • Willian Sousa

    Não, obrigado. As músicas no HD e no iDevice sem o iCloud já estão de boa pelo menos pra mim 🙂

  • Giuhab

    Ah, preciso formatar essa coisa de Windows a cada semana, então nem me preocupo em baixar tudo denovo.

  • Pablo

    O jeito e já baixar tudo em mp3 320kps, no minimo 256kbps… abaixo disso a qualidade é horrível.

  • Passar músicas de 128kbps para 256kbps, só vai gastar mais espaço, almento de qualidade? NUNCA! Não tem como!
    Seria a mesma coisa que copiar uma fita VHS para um sistema profissional de última geração Full HD. Vai continuar com a qualidade de um VHS, tal vez pior, uma cópia de um VHS, melhor o VHS que sua cópia, não é verdade?
    Então se você tem uma música ripada em 128kbps, continuará sendo uma música ripada em 128kbps reformatada em 256kbps com o som de 128kbps. 😉
    Depois o pessoal acha que só tem gênio na Apple.

    • Não acho que seja realmente isso, pq vc tem que apagar a música e depois baixá-la novamente, nesse download é que deve haver a "conversão". Ele baixa uma música de 256kbps e não transforma a de 128 em 256. A música não é formatada, ela é substituída. Se fosse só "formatá-la" não faria sentido ter q apagá-la e baixá-la novamente.

    • Vc disse besteira… segundo oque o steve jobs falou na keynote, eles nao fazem um "upscale" para 256kbps e sim o iTunes Match reconhece qual é a musica e te devolve outro arquivo do servidores deles com a qualidade de 256kbps. Hora nenhuma eles fazem conversão.

    • Aff

      Aff… vergonha desse seu comentário estúpido… vai estudar um pouco antes de falar asneira

    • vc precisa ter um "almento" de Vergonha de escrever essas bobagens…

  • eu baixo musicas pirateadas do iTunes Store comprada por outras pessoas, então nem preciso disso HAHAHA
    parece até que eu comprei as musicas u.u
    vem com as informações da conta KKKKKKKK

    • Levi R

      Eu sempre quis fazer isso, por favor como eu faço pra conserguir fazer isso? Desde já obrigado 🙂

  • Tudo blz, tenho conta na itunes stores americana, ja assinei o servico, o itunes ja reconheceu uma porcao de musicas da minha biblioteca… tudo bem ate ai… Mas como eu faco pra visualisar essas musicas no iphone/ipad? A informacao que eu tenho e que precisa ativar o itunes match em -ajustes – musica, porem nao tem essa opcao por la… alguem com esse problema ai?

    • Anônimo

      Amigo, é bem fácil, a opção do iTunes Match só vai aparecer se você estiver logado (na App Store do device) na sua conta Apple dos EUA, ai a informação irá aparecer…

  • Felipe Gaiotto

    Não entendi a parte do 99,9%, se eu baixo musicas da internet ou se eu ripo elas de um cd o processo e o resultado não será o mesmo? Em ambos os casos as musicas estariam no meu icloud e tambem em 256kbs certo?

  • Bruno C

    Para escanear as musicas e organizar toda a biblioteca, ja ouvi dizer que os programas TuneUp e Tagarlicius dão conta do recado.

    Alguem ja utilizou?

  • Torch

    Já baixo minhas musicas em mp3 320kbps, muito mais fácil.

  • Victor Rosa

    Fora a forma que o autor informou de ter conseguido acesso ao iTunes Match, alguém sabe outra forma de habilitar? Como você fez, Rodrigo Rodrigues, da mesma forma que o Autor do post?

  • Henrique

    Não sei como queria que as músicas fizessem upgrade de qualidade sem ter que baixar de novo. O que mais você esperava que o iTunes Match faria?

  • Aff

    Upgrade "automágico" foi foda hein…. vamos estudar antes de postar coisas no blog…

  • Jonas

    Adquiri o serviço a mais ou menos uma semana e estou muito satisfeito com o resultado. Também baixo álbuns a MP3 320kbps, mas acho a qualidade AAC 256 inquestionável. Além do arquivo ocupar menos espaço no HD, o som da música é de uma clareza impressionante, sem dever em nada ao arquivo de um CD original. O serviço precisa melhorar? Sim, com certeza. Alguns álbuns disponíveis na Itunes BR (ex. o novo do Bruce Springsteen não deu "match", mesmo já estando a venda na loja). Por outro lado, álbuns que ainda não estão disponíveis na Itunes BR como o da Emeli Sandé deram um belíssimo "match". Enfim, acredito que o sistema da Apple está em contante atualização e o mesmos álbuns que não corresponderam agora possam estar disponíveis em breve. 
    Ainda estou testando, mas para quem quer fazer um backup de sua coleção e ainda ter acesso ao catálogo do Itunes, recomendo!

  • Alexcarvalho

    como faço para apagar todas as musicas do itunes match??? URGENTE

  • Lance

    Na minha opinião a maior vantagem de usar o iTunes Match é ter cópia FIEL de TODA a minha biblioteca em qualquer LUGAR DO MUNDO… E em 10 computadores/dispositivos iOS diferentes. Como a maioria aqui tem opinado, imaginem seu desktop/notebook PIFANDO O HD: TODA sua biblioteca foi perdida, salvo guardo não tenha cópia de segurança em outro local. o iTunes Match "cobra" os quase U$25,00 ao ano para armazenar suas 25.000 músicas (PECHINCHA).