iPod School

Microsoft compra smartphones e patentes da Nokia por US$ 7.18 bilhões

André BazagliaAndré Bazaglia
steve-ballmer-lumia

A Microsoft anunciou, hoje, a concretização da compra de aparelhos e serviços da Nokia; um importantíssimo passo para a empresa se tornar capaz de produzir tanto seu hardware quanto seu software, de maneira semelhante ao que a Apple sempre fez com o iPhone e o iOS; e a Google faz com o Nexus e o Android. A gigante de Redmond, ainda sob o comando do gritante Steve Ballmer, certamente ganhará força para agitar o mercado de smartphones. O Lumia tem potencial para melhorar e explorar vantagens mais claras dentro de um mercado concorrido entre as gigantes Apple, Samsung, HTC, Motorola (com o Moto X), Blackberry (com o Blackberry Z10) e outras empresas menores.

Ballmer, que apesar de ser o atual CEO da empresa, já anunciou que deixará a Microsoft dentro de 12 meses, explica [em inglês] qual a relevância da recém-compra para o mercado de smartphones:

É um passo ousado em direção ao futuro – um ganha-ganha para funcionários, acionistas e consumidores de ambas empresas. Juntar esses grandes times irá aumentar ações e lucros da Microsoft em celulares, e fortalecer as oportunidades globais para a Microsoft e os parceiros de toda a nossa família de dispositivos e serviços.

Como parte do acordo fechado entre as duas empresas, Stephen Elop, que até ontem era presidente e CEO da Nokia, irá para a Microsoft – será que nasce, daí, o sucessor de Steve Ballmer?

[via TheVerge].

Programador, blogueiro, estudante de Engenharia de Computação. Em busca de deixar sua marquinha no universo.

  • Germano

    Podem apostar que a Microsoft vai continuar indo longe sem o Ballmer. Sei que o Stephen fez grandes coisas dentro da Nokia, é um cara de talento.