Press "Enter" to skip to content

Jailbreak, Restore, Baseband, mas o que é isso?! [Guia para iniciantes]

 

Muuuuuito bem, galera, venho aqui dar uma ajudinha para o pessoal que está tendo dificuldades sobre assuntos específicos que muitas vezes não são bem respondidos nos comentários do nosso querido Blog. Começa agora a nossa “Ajuda para iniciantes” versão 2011!

 

Comprei meu iPhone, iPod touch ou iPad agora, o que devo saber?

A primeira coisa que você deve fazer é baixar o iTunes para o seu computador [baixe aqui] e conectar seu aparelho à ele através do seu cabo USB. No iTunes você pode gerenciar suas músicas, vídeos, livros, programas de TV, informações e etc. E além disso, é por ele que você pode transferir arquivos e dados para seu aparelho, suas músicas, vídeos, calendários, contatos e seus afins.

Ao conectar seu aparelho, ele será reconhecido pelo computador e pelo iTunes, onde você pode renomear seu aparelho clicando com o botão direito do seu mouse sobre o seu aparelho no iTunes.

Sincronização, como funciona?

Para transferir músicas, vídeos e fotos para aparelho, você deve sincroniza-lo com o iTunes, que nada mais é passar os arquivos do computador para seu device (aparelho). Você também pode sincronizar seus contatos e calendários, assim como aplicativos comprados pelo iTunes.

  • Posso adicionar qualquer formato de música para meu aparelho?
    Pode, caso ela seja suportada, o iTunes irá converte-la automaticamente antes de adiciona-la em sua biblioteca.
  • Posso passar minhas músicas do iPhone/iPod/iPad para um computador?
    Seu aparelho, originalmente, não suporta tal ação.
  • Quais formatos de vídeo o iTunes suporta?
    De preferência, o formato .mp4.
  • Posso sincronizar meu Aparelho com várias bibliotecas diferentes?
    Não, o sistema operacional da Apple, ou simplesmente iOS, não permite que tenhamos várias bibliotecas sincronizadas no aparelho.

 

Criando toques telefónicos para meu iPhone, como faz?

Vá até a música que deseja transformar em toque no seu iTunes, clique com o botão direito sobre o mesmo e vá até a opção “Obter informações”.

 

Agora siga até a aba “Opções”. Nesta você terá as opções “ínicio” e “fim”, marque as duas, sendo a primeira o ínicio do seu toque e o final o termino do mesmo, lembrando que a diferença de tempo entre as duas deve ter no máximo 30 segundos (0:00-0:30, 1:00-1:300).

Aperte em “ok” e vamos para a segunda parte. Agora clique sobre a mesma música com o botão direito e vá até a opção “Criar versão AAC”.

 

 

Agora observamos dois arquivos com o mesmo nome, porém com durações diferentes.

 

 

Clique com o botão direito no arquivo de 30 segundos que você criou e vá até “Mostrar no Finder” (Mac) ou “Mostrar no Explorer” (Windows).

 

Agora podemos visualizar os dois arquivos, você terá de renomear a extenção do arquivo de .m4a para .m4r.

 

Agora é só confirmar a modificação de extenção e adicionar o arquivo à sua biblioteca do iTunes, que será adicionado à aba “Toques”

 

Agora é só sincronizar com seu iPhone o seu novo toque!

 

Realizando Backups.

É sempre bom que você mantenha o backup do seu aparelho atualizado, caso haja algum problema com seu aparelho ou outros problemas (sim, estou falando de furto e perda de aparelhos xD) com o mesmo. Ao conectar seu aparelho no computador, automaticamente é realizado um backup do seu aparelho, nele serão salvos informações como contatos, fotos, notas, saves de games, papeis de parede e informações em geral. Como os arquivos da biblioteca (músicas, vídeos, aplicativos e etc) estão salvos no computador, estes não são salvos no backup, mas serão adicionados no aparelho caso seja solicitado o mesmo.

Caso precise fazer/acionar um backup, basta clicar com o botão direito do mouse sobre a aba do seu aparelho no iTunes, então terá disponível as seguintes opções:

  • Cópias de segurança: realizar o backup do seu aparelho.
  • Restaurar de Backup: acionar algum backup salvo no seu computador para seu aparelho.

Atualizar e restaurar.

A Apple constantemente lança atualizações para os aparelhos, e estas aparecem no iTunes quando conectamos o device no computador. Caso você tenha um aparelho importado (com bloqueio de operadora) ou seja usuário de Jailbreak, não atualize seu aparelho até obter informações de desbloqueio e jailbreak para a versão a ser atualizada.

Mas antes entenda o que é SHSH

O SHSH é uma assinatura única de cada aparelho, ela é usada para validar uma atualização ou restauração de uma versão mais recente. Cada vez que tentamos restaurar ou atualizar nossos devices,  essa assinatura é enviada para os servidores da Apple, permitindo que o processo seja efetuado ou não. Cada vez que atualizamos nossos aparelhos, este recebe um SHSH novo, referente a nova versão, e o antigo é descartado, impedindo a realização do downgrade (voltar para a versão anterior).

TinyUmbrella:

  • Posso atualizar meu aparelho e depois voltar para a versão que eu estava?
    Sim, é possível, mas para isso você precisa baixar o programa Tiny Umbrella [link] e salvar o SHSH da sua versão atual no programa. Isso lhe permitirá voltar para a versão que que possui o SHSH salvo. Para isso, basta abrir o programa, conectar o aparelho e clicar em “Save SHSH”.

 

Após salvo, deve aparecer as SHSH’s que o seu device tem salvas, deste modo:

 

 

Atualizações, restaurações e downgrades.

Vamos conceitualizar um pouco:

  • Atualização: Passar de uma versão para outra mais atual sem perda de dados e arquivos.
  • Restauração: Instalar firmware com perda total de dados.
  • Downgrade: Passar de uma versão atual para uma versão mais antiga.

Ao abrir a página principal do seu aparelho no iTunes, você poderá ver dois botões: Atualizar e Restaurar.

  • Atualização:

Você pode atualizar seu aparelho para versões mais atuais sem perder suas informações, caso essa versão desejada não seja a última lançada, basta baixar o firmware da versão desejada nesse site [link], segurar a tecla “Alt” e clicar em atualizar, assim será aberta uma caixa de seleção, onde você poderá selecionar o firmware selecionado para atualizar seu aparelho para aquela versão. Lembrando que só é possível atualizar o aparelho para uma versão superior a sua.

  • Restauração/downgrade:

No caso da restauração ou downgrade, apaga-se todos os dados do seu aparelho e aplica-se as configurações originais, com ele podemos fazer downgrades (voltar versões) caso tenha salvo o SHSH da versão que deseja-se instalar, fazer atualizações com perda total de dados ou simplesmente consertar erros da sua versão atual. Caso tenha algum problema no seu iOS e nenhuma solução parece funcionar, pense em restaurar seu device.

  • Como posso restaurar meu aparelho?
    Baixe o firmware que deseja aplicar em seu aparelho [link], abra o iTunes e segurando a tecla “Alt” clique em “Restaurar”, assim poderá selecionar o firmware baixado e iniciar a restauração.

Erro na restauração/atualização, o que eu faço?!

Primeiro você deve observar se o erro aconteceu no inicio ou no final da restauração e seguir esses passos:

  • No começo do processo:
    Abra o Tiny Umbrella e inicie o servidor TSS, abra novamente o iTunes novamente e tente repetir o processo.
  • No final do processo:
    Caso apareça uma tela com o logo do iTunes e um cabo UBS, abra o Tiny Umbrella, selecione seu aparelho na aba lateral e clique em “Exit Recovery” e espere o device reiniciar.

Tenho um iPhone americano/bloqueado, quais preocupações tenho que ter?

Pois bem, iPhones bloqueados que foram desbloqueados após sua compra por métodos não oficiais necessitam de uma altíssima atenção. Cada iPhone possui seu IMEI, que é um código único para cada aparelho, e uma versão de BaseBand (ambos podem ser vistos em Ajustes>geral>sobre). Se seu iPhone é bloqueado, seu IMEI é tido pela Apple como aparelho bloqueado, mas existem métodos que permitem o uso do mesmo com qualquer operadora. Esses métodos variam de acordo com sua BaseBand. Se sua BaseBand é 02.10.04 ou superior, ainda não existe desbloqueio por software (Ultrasn0w), mas existem Turbo-SIM’s, que são contatos adicionados entre seu chip e o aparelho.

Caso tenha um iPhone desbloqueado após a compra, você tem que tomar certos cuidados:

  • Posso atualizar normalmente meu iPhone?
    Não, caso atualize por métodos convencionais, sua baseband será atualizada e você pode perder seu desbloqueio permanentemente.
  • O que faço para não atualizar minha BaseBand?
    Você pode criar um Custom Firmware que irá impedir a atualização da sua BaseBand, saiba como continuando lendo.

iOS, o que preciso saber?

Você precisa saber a nomeclatura de algumas partes de seu device e qual device é o seu para não se sentir perdido ao ler um artigo no mundo Apple. Logo aqui estão alguns nomes que você poderá precisar:

  • Qual iPhone é o meu?
  1. iPhone 2G (clássico): caracterizado pelo seu fundo em alumínio.

  2. iPhone 3G: Fundo preto em plástico, com desenho mais arredondado.

  3. iPhone 3G[s]: Ele é extremamente parecido com o modelo 3G, a maior diferença é o nome “iPhone” e a capacidade no fundo, que são cromadas.
  4. iPhone 4: Modelo mais quadrado, com fundo em vidro plano.

 

Qual é o meu iPod touch?

  1. iPod touch 1G: bordas cinzas e antena WiFi característica: 

  2. iPod touch 2G: Bordas cromadas e antena WiFi arredondada.
  3. iPod touch 3G: Bordas cromadas e antena WiFi arredondada. É idêntico ao modelo 2G, mas para distinguir o iPod touch (3ª geração) do iPod touch (2ª geração), observe a parte posterior do aparelho. No texto apresentado abaixo da inscrição gravada, procure o número de modelo. O iPod touch (2ª geração) é o modelo A1288 e o iPod touch (3ª geração) é o modelo A1318. 

  4. iPod touch 4G: Possui câmera frontal e traseira. Não possui antena WiFi visível: 

Qual iPad é o meu?

  1. iPad: Não possui câmera, disponível apenas na cor preta. 

     

  2. iPad 2: Possui câmera frontal e traseira, disponível nas cores branca e preta. 

     

Partes do meu Aparelho:

Seu Aparelho tem, basicamente, 4 botões:

  • Home Button: Botão de inicio
  • Power Button: Botão de força, que serve para desligar ou colocar em mode de espera seu aparelho
  • Botões de volume: não precisa explicar.

E se você tem um iPhone ou iPad, terá também uma chave:

  • iPad: Chave que ativar o mudo ou trava a rotação do aparelho (a segunda opção apenas disponível nas versões 3.X e 4.3.X).
  • iPhone: Chave que ativa o silencioso do aparelho.

Já na questão de software, temos:

  • SpringBoard:
    É sua página de inicio, onde ficam os aplicativos e o dock

     

  • Dock:
    Barra inferior e fixa da sua SpringBoard, onde podemos abrigar aplicativos importantes. 

     

  • Status Bar:
    Barra superior onde vemos a bateria, horário e carreira (nome da operadora) no caso dos iPhones e iPads

     

  • Lock Screen:
    Tela de bloqueio, onde há a barra que deslizamos para desbloquear o aparelho. 

O sistema operacional móvel da Apple é mágico, são tantas possibilidades em tão pouco espaço que qualquer pessoal se impressiona com sua magnitude. Estão vamos mostrar algumas dicas para você tirar o máximo do seu aparelho!

  • Dica #1:
    Seu aparelho (iPhone 3G[s] e iPod touch 3G ou superiores), a partir da verão 4.0, vem com o recurso Multi-Tarefa, ou seja, você pode executar mais de um programa ao mesmo tempo, sem precisar fechar um para abrir o outro. Ao sair de um aplicativo, ele é, automaticamente, posto em plano de fundo, onde você poderá encontrá-lo na barra Multi-Tarefa (para visualiza-la, basta apertar o Home Button duas vezes). Segurando o dedo sobre ele, aparecerá a opção de remove-lo, assim fechando completamente o aplicativo.

Outro detalhe interessante são os controles do iPod, que estão nesta barra, onde para acessá-los, basta deslizar a barra para a direita.


  • Dica #2:
    Para mover e apagar aplicativos comprados, basta segurar seu dedo sobre qualquer aplicativo até que eles comecem a se mover, então basta tocar neles e move-los.

  • Dica #3:
    Alguns aplicativos podem ser postos no sentido horizontal, como a calculadora.app e fotos.app, mas caso queira “bloquear” essa orientação horizontal, você pode abrir a barra Multi-Tarefas e ativar o bloqueio (ícone que possui um circulo) da orientação.

  • Dica #4:
    Na calculadora nativa do iPhone e iPod touch, você pode alterar de uma calculadora normal para cientifica apenas colocando seu aparelho na posição horizontal, já para apagar algum digito errado, basta deslizar seu dedo sobre o que seria o monitor da calculadora no sentido esquerda->direita (ou ao contrário).

Para que serve a App Store e o iTunes?

Pois bem, na pratica essas são as duas lojas que seu aparelho tem originalmente, então vamos explica-las:

  • iTunes:
    Esta está mais para um lojão que a Apple oferece, nele podemos encontrar para comprar: Músicas, vídeo-clips, vídeos, ringtones, podcasts, audiobooks e etc. Comprando algum arquivo no iTunes, ele será adicionado ao seu aparelho e sincronizado para o computador a próxima vez que este for conectado. Para comprar é necessário ter uma conta iTunes.
  • App Store:
    Esta revolucionou o mundo dos dispositivos móveis, nela é possível comprar aplicativos de todos os tipos para seu aparelho, desde uma simples lanterna até uma complexa tabela periódica tridimensional. Na App Store encontramos aplicativos pagos de todo tipo assim como aplicativos grátis. Para baixa-lo, é preciso ter uma conta iTunes, mas caso queira apenas criar uma conta sem associar seu cartão de crédito a essa conta, basta seguir os seguintes passos:
  1. Para que essa conta seja americana, você precisa acessar a iTunes Store americana. Para isso vá ao canto inferior direito da aba iTunes Store no iTunes e clique na bandeira brasileira, alterando-a para americana.

  2. Tente comprar qualquer aplicativo gratuito, pode ser os algum da barra lateral.

  1. Agora basta clicar em “criar nova conta” e seguir os passos seguintes.
  2. Agora basta seguir e preencher o formulário com com seus dados, talvez seja preciso alguns dados fictícios, como CEP e telefone americano.
  3. Agora, na opção de pagamento, basta selecionar a opção “None
  4. Pronto, você já tem uma conta iTunes e pode baixar apps grátis na App Store!

 

O que é Jailbreak?

Agora, se você não está satisfeito com os recursos que a Apple oferece em seus aparelhos, talvez seja interessante você experimentar o novo mundo do Jailbreak. Traduzindo a palavra, significa libertar da prisão, ou seja, libertar seu iPhone e iPod touch dos limites implementados pela Apple. Com ele você pode instalar modificações do sistema operacional, acessar as pastas do seu iPhone e de seu iPod touch remotamente, instalar aplicativos que não foram publicados pela Apple Store, ou resumindo tudo isto: você pode fazer o que bem entender com seu aparelho, abrindo uma infinidade de novas funções para ele. Com isso tornamos o iOS da Apple um sistema OpenSource, ou seja, um sistema livre para modificações e alterações.

  • Depois que eu fizer o Jailbreak posso baixar apps crackeados?
    Essa é uma ideia bastante errada sobre o Jailbreak. Instalar o Jailbreak não vai lhe permitir baixar apps crackeado e realizar pirataria de aplicativos, tanto que o Jailbreak é totalmente legalizado nos EUA e existe uma Cydia Store. O Jailbreak em nos permite modificar nosso iOS e instalar apps que não foram aprovados por algum motivo pela Apple, mas caso queira realizar pirataria, sim, é possível após ter o Jailbreak instalado no aparelho.
  • Como faço o Jailbreak em meu aparelho?
    Nos temos uma aba com tutoriais onde você pode encontrar como fazê-lo de acordo com sua versão iOS e seu aparelho

Fiz o Jailbreak, e agora?

Após a realização do jailbreak, a única diferença visível no seu device é um novo aplicativo em sua SpringBoard, chamado Cydia.

Para que serve o Cydia?

Como o iOS é um sistema fechado, o que impede que usuários que não trabalhem para a Apple modifiquem suas funcionalidades, foi criado o Cydia. Ele se assemelha a App Store, existem pacotes (como chamamos os programas do Cydia) pagos e pacotes grátis. Basicamente podemos baixar temas que mudam completamente o visual de seu iOS, aplicativos não aprovados pela Apple para entrar na App Store, correções de bugs não feitos pela Apple e principalmente os Tweaks.

O que são Tweaks?

Tweaks são pacotes que geram modificações no iOS. Temos como exemplo tweaks que adicionam atalhos do WiFi, modo avião e várias outras coisas em sua SpringBoard. Esse tweak se chama SBSettings.

 

Tweak SBSettings

 

 

Certo, mas como uso o Cydia?

Vamos abrir o Cydia, logo teremos a página inicial do mesmo (caso apareça uma barra preta com vários dados sendo carregados, isso é normal, não cancele até que o mesmo se conclua). Na primeira vez que abre o Cydia, ele te pergunta quem você é (Who Are You?), basta selecionar “User” e tocar em “Done”. Após isso o Cydia carregará alguns arquivos e perguntar se deseja atualizar, selecione atualização completa e espere o processo acabar, para então reiniciar o aparelho.

 

Agora vamos as funcionalidades do Cydia. Na barra inferior (Preta com vários itens) encontramos:

  • Cydia:
    Página inicial, trás tweaks e temas em destaque e a Cydia Store, para tweaks e pacotes pagos no Cydia
  • Sections:
    Página onde encontramos as categorias do Cydia, onde achamos os tweaks e pacotes organizados em tipos.
  • Changes:
    Onde vemos os pacotes adicionados recentemente ao seu Cydia, e também atualizações lançadas para os pacotes que você já tem instalado.
  • Manage:
    Ao abrirmos, temos três seções, das quais apenas duas são importantes: Packages, que são onde seus pacotes instalados estão explicitos, e Sources. As Souces são os links por onde o Cydia encontra e baixa os pacotes. Temos, pre-instalados, algumas sources importantes, mas cado precise adicionar alguma source, basta tocar em “Edit” e depois “Add”, agora só escrever o endereço da source e tocar em “Add Source“.

 

 

  • Search:
    É aqui que buscamos pelo nome os pacotes e tweaks que desejamos, como por exemplo, o SBSettings.

 

Como faço o Jailbreak no meu aparelho?

Você já sabe qual é o seu aparelho, agora basta saber qual é a versão do seu firmware (Ajustes>Geral>Sobre>Versão) e qual plataforma (windows ou mac) você vai usar para realizar o jailbreak. Agora basta ir a nossa área de tutoriais [link] e verificar os tutoriais para sua versão e plataforma.

Dicas para Jailbreak.

DFU/Recovery mode.

DFU/Recovery é um modo que você coloca seu iPod para restaurá-lo totalmente. É útil não só para fazer jailbreaks, mas caso seu aparelho apresente algum defeito e não se conecte ao iTunes, basta iniciá-lo para realizar a restauração.

Para colocar o aparelho em DFU/Recovery mode, basta seguir estes passos:

  • Conecte seu aparelho no computador.
  • Desligue seu aparelho.
  • Aperte por 2 segundos o Power Button.
  • Sem soltar o Power Button, aperte o Home Button.
  • Segure os dois por cerca de 10 segundos, até que a tela desligue.
  • Solte APENAS o Power button e aguarde cerca de 20 segundos até que seu computador reconheça o aparelho em DFU/Recovery mode.

Agora você pode realizar o Jailbreak ou abrir o iTunes e restaurar seu aparelho.

Como criar uma Custom Firmware?

Para isso você precisa de uma das ferramentas que realizam tal processo, como o Pwnagetool (Mac) ou Sn0wBreezer (Windows). Basicamente uma CF serve para ativar iPhones sem chip especifico, atualizar iPhones sem atualizar BaseBand e adicionar funções na instalação do seu Firmware.

Para instalar uma custom firmware, é necessário que seu aparelho esteja em PwenDFU, um modo de DFU especifico para instalar essas firmwares customizadas. As ferramentas vem com o mecanismo de entrada do mesmo.


Tenho um iPhone 4 bloqueado, como faz?

Atualmente só existe dois método eficaz para o desbloqueio do iPhone 4, um por software (UltraSn0w) e por hardware (Turbo-SIM). O UltraSn0w funciona apenas para iPhones 3G/3G[s] de BaseBand 04.26.08, 05.11.07, 05.12.01, 05.12.04 e 06.15.00, já no iPhone 4, apenas a BaseBand 01.59.00. Caso sua BaseBand seja uma superior, o método atual é o Turbo-SIM, que nada mais é que um chip para desbloqueio. Nós testamos o Turbo-SIM Gevey, para maiores informações sobre o mesmo, acesse.

Como esse Gevey funciona?

Na teoria, o Gevey modifica as informações do seu Chip para funcionar com o iPhone 4 bloqueado, logo, se a Apple não fizer um mecanismo de bloqueio, o Gevey funcionará nas próximas versões e BaseBands. Lembrando que ele funciona em TODAS as versões e BaseBands atuais. O Gevey tem suas limitações, como para inicia-lo, é preciso discar para o número 112 e logo após ligar e desligar o modo avião várias vezes (veja o nosso review). Ele custa U$35 mais U$9.99 do frete simples para o Brasil e pode ser comprado no site Apple’n’Berry.

 

E Quanto ao Rebel SIM?

O Rebel SIM tem o mesmo esquema de funcionamento que o Gevey, porém promete corrigir os errors do Gevey e não necessitar discar para o número 112 para ínicia-lo. O Rebel SIM vem em dois kits, onde uma é identico ao Gevey e o outro o sistema fica para fora, necessitando o uso de uma Case especifica. Você pode comprá-lo pelo site da Rebel.