iPod School

Imagens: 5 modelos de Macs “diferentes” que a Apple já lançou

André BazagliaAndré Bazaglia

O pessoal da MacWorld divulgou uma lista muito bacana, mostrando alguns dos Macs mais estranhos já lançados até hoje. Pelo fato de hoje os modelos de Macs serem sempre muito padronizados e limitados ao MacBook, Mac Mini e iMac, é de pensamento popular que a Apple sempre lançou seus modelos de computadores assim, extremamente padronizados. Antigamente, principalmente na época em que Jobs estava fora co comando da empresa, a Apple produzia muito “lixo”, nas próprias palavras do ex-CEO Steve Jobs.

iMacs Flower Power e Blue Dalmatian (2001)

Sabemos que cores em produtos são sempre legais. iPods nano e touch são dois exemplos de cores fortes bem aplicadas a produtos da Apple. No entanto, às vezes a firma de Cupertino já foi de exagerar um pouco (ok, muito!) nas cores. Você compraria um iMac G3 assim?

Twentieth Anniversary Macintosh (1997)

Originalmente por $7,499 USD, o modelo foi lançado em comemoração ao 20º aniversário da Apple. É estranho, mas não tão brega quanto os iMacs super-coloridos G3, mostrados anteriormente.

“Então, se você imaginar um objeto que é uma televisão, um rádio, um computador – seja lá o que computador signifique. Se você imaginar um objeto que tem um sistema de som incrível. Se você imaginar todas essas funcionalidades, todas essas tecnologias, se você imaginar todas elas convergendo em um único objeto, como você o chamaria?”. Como sempre, anúncios bem convincentes da Apple. Marketing incrível.

Power Macintosh G4 Cube (2000)

O produto representava algo que passou pela supervisão de Steve Jobs, que em 2000, já estava de volta ao comando da empresa que ele mesmo fundou. O cubo era caro demais para seu tempo, e seu design extremamente diferente o colocou dentro do Museu de Arte Moderna de Nova York. Aposto que ele serviu de molde para o posterior Mac mini, vendido pela Apple até hoje.

Macintosh XL (1985)

O design do Apple Lisa 2/10 e a mente de um Mac caracterizavam o Macintosh XL. O programa que vinha com o Macintosh XL possibilitava a emulação 64K (ROM) do Macintosh.

Power Macintosh G3 All-In-One (1998)

 

 

 

Vendido em opções de uma CPU PowerPC G3 com 233 ou 266 MHz , uma tela de 15 polegadas, um disco rígido (HD) de 4GB e um drive de CD-ROM, a máquina chega a lembrar um pouco o que deu a origem ao iMac. O estranho era seu peso: pouco mais de 27 quilogramas! Foi o computador mais pesado que a Apple já vendeu.

Mac

Programador, blogueiro, estudante de Engenharia de Computação. Em busca de deixar sua marquinha no universo.

  • brazlocateli

    Cube, um desejo que nunca alcançarei =/

    • rsrs.. Por que não?

      • brazlocateli

        Não vende mais =/

    • JanjaBoy

      Era só bonito!
      Vários problemas. O sensor para ligar pirava, rachava o acrílico nas curvas e mais problemas.
      Hoje uma máquina assim, falariam que na época do Steve Jobs ele nunca aprovaria, aprovou!

      • brazlocateli

        To ligado nesse monte de problema dele.

  • Pingback: Imagens: Mouses já lançados pela Apple()