Press "Enter" to skip to content

Google compra Waze

waze

Um rumor que pipocou nestes últimos dias envolvia o Waze, famoso aplicativo de mapas que funciona de maneira social, não se limitando apenas às informações de ruas, mas também possibilitando que seus usuários interajam com os mapas. O clássico exemplo é o compartilhamento de um acidente: um usuário marca um acidente que causa congestionamento em um ponto do mapa e o Waze avisa todo o resto da comunidade perto daquela localização. É uma rede onde desconhecidos ajudam desconhecidos. Rumores de credibilidade indicavam que o Google e o Facebook brigavam pela compra do aplicativo. Agora, a história teve um fim: o Google é o novo dono do Waze.

Sem um valor dito publicamente da aquisição que foi concluída pelo Google, há a especulação de US$ 1,3 bilhão pelo aplicativo – sem confirmação alguma, é claro. Sem muitos pronunciamentos longos, o Google nos afirma que nada mudará com o aplicativo, mantendo até o escritório da empresa no mesmo local, mas acredito que esta medida seja temporária.

Para o Google, a aquisição é algo que gerará bastante lucro e utilidade para a empresa. O que esperar das mudanças? Bastante óbvio: integração com serviços do Google, como por exemplo o seu gigantesco motor de buscas, ou no Android, principalmente com o Google Now, ferramenta que já está disponível no iOS e que traz informações por meio de “cartões, pode ter uma integração quase que completa entre ambos. Se o Google unir Google Maps e Waze, será um bom feito. O que você acha disso?