Press "Enter" to skip to content

Galaxy S6 entorta mais que o iPhone 6 Plus

Quando o iPhone 6 Plus chegou às lojas no final do ano passado, o escândalo do suposto entortamento natural do aparelho explodiu na web. Não é novidade que a mídia busca se promover apontando fracassos em sucessos, e apesar do problema ser mais sensacionalismo do que realidade, ele é inclusive coberto pela garantia da Apple.

Com a ajuda de uma máquina especializada em realizar pressão a fim de entortar aparelhos, o pessoal da SquareTrade comparou o iPhone 6 Plus com o Galaxy S6, um de seus principais concorrentes. A máquina, além de entortar e, lamentavelmente, destruir os aparelhos, mede o valor da força que foi aplicada neles. Isso torna a comparação mais justa, já que ela não é só feita de um lado visual, mas também traz resultados numéricos: numericamente, o que aguentar receber uma uma pressão maior sem entortar/quebrar é o smartphone mais resistente. Confira você mesmo:

iPhone 6 Plus:

  • O iPhone entortou com 110 libras de presão.
  • O iPhone quebrou (sua tela foi trincada) com 179 libras de pressão.

Galaxy S6 Edge:

  • Exatamente como ocorreu no iPhone, o aparelho entortou pela primeira vez com um peso de 110 libras. Até aí os dois estão empatados neste quesito, mas o que deixou o Galaxy S6 Edge na desvantagem foi: sua tela quebrou com esse peso, enquanto a tela do iPhone 6 Plus permaneceu intacta.
  • O Galaxy S6 Edge quebrou completamente com uma força de 149 libras e, mais uma vez, se mostrou menos resistente que o iPhone 6 Plus, que apenas quebrou completamente após uma força de 179 libras.

É… Não há mais motivo para escândalo sobre o entortamento do iPhone. O Galaxy S6 é mais propício ao entortamento. 😉