iPod School

Crazy Ones: agora na versão biográfica de Steve Jobs

Gabriel MoraisGabriel Morais

Para quem não sabe, Crazy Ones foram dois curtos comerciais televisivos da Apple, criados no ano de 1997 sob a proposta de divulgar seus produtos com o famoso slogan “Think Different”. Tal slogan fora criado para desafiar os consumidores que visavam comprar um IBM a pensar na Apple como uma alternativa inteligente.

Voltando à ideia central do post, Ken Segall, o grande homem por trás das palavras que compõe o comercial resolveu reeditá-lo com as imagens de Jobs. Segundo ele, essa unção “faria um perfeito sentido” – e sem dúvidas, fez. Sem mais delongas, apresento-lhes The Crazy One: Steve Jobs Tribute:

 

Here’s to the crazy ones. The misfits. The rebels. The troublemakers. The round pegs in the square holes. The ones who see things differently. They’re not fond of rules. And they have no respect for the status quo. You can quote them, disagree with them, glorify or vilify them. About the only thing you can’t do is ignore them. Because they change things. They push the human race forward. And while some may see them as the crazy ones, we see genius. Because the people who are crazy enough to think they can change the world, are the ones who do.

Se estiver curioso acerca do comercial original, dê uma olhadinha aqui.

Amante da tecnologia desde a infância. Apaixonado incondicionalmente pela grande Apple, apesar de não tê-la presente há muito tempo. Viciado em rock, cigarro e pouca ocupação. Possuidor: do amor à escrita; da impaciência e perfeccionismo em excesso; um iPod touch 4G e um nano 6G.

  • JanjaBoy

    Para quem não conhece.

    Tradução:

    Aqui vai para os loucos.
    Os que não se encaixam.
    Os rebeldes.
    Os causadores de problemas.
    Os cilindros nos buracos quadrados.
    Os que vêem as coisas de maneira diferente.
    Eles não gostam de regras.
    E não tem respeito pelo status quo.
    Você pode admirá-los, descordar deles, mencioná-los,
    desacreditar deles, glorificá-los ou vilificá-los.
    Somente uma coisa não pode fazer, que é ignorá-los.
    Porque eles mudam as coisa.
    Eles inventam. Eles imaginam. Eles curam.
    Eles exploram. Eles criam. Eles inspiram.
    Eles empurram a raça humana para frente.
    Talvez eles precisem ser loucos.
    De que outra forma você pode encarar uma tela vazia e ver um trabalho de arte?
    Ou, sentar no silêncio e ouvir uma música que ainda não foi escrita?
    Ou, observar um planeta vermelho e ver um laboratório sobre rodas?
    Nós fazemos ferramentas para esses tipos de pessoas.
    Enquanto alguns os vêem como os loucos, nós vemos gênios.
    Porque aqueles que são loucos o suficiente
    para achar que podem mudar o mundo,
    são os que conseguem.

    Fonte http://akitaonrails.com/2007/01/27/off-topic-here

  • TiãoGavi&atil

    Esse símbolo da Apple da epoca parece a bandeira do movimento gay, aih isso parece!! Kkkk

  • iMag

    Não sejam ignorantes, vocês pensam assim, porque alguns desprovidos de inteligencia titularam o colorido como uma modinha gay(ex:restart).Mais essas cores vão muito além do que veem e pensam…

    Abraços.

    • TiãoGavi&atil

      Pra mim continua parecendo bandeira do movimento gay!! Faze o que né. Kkkkk

  • Gabriel Morais

    Há um conceito por trás da maçã colorida. As cores fazem juz a sua separação da luz, feita por Isaac Newton (também pai da gravidade – a velha história da maçã). Relacionar isso cegamente ao movimento GLS é, como disse o amigo ali em cima, no mínimo ignorância.

    Só não me retalhem achando que estou sendo seco e intolerante. Eu sei que foi um comentário descontraído, só aproveitei para explicar o logo. 🙂

    • JanjaBoy

      Essa é uma das versões.

      Outras dizem que é uma homenagem ao Alan Turing que era gay e morreu mordendo uma maçã envenenada.

      Alan Turing é o "pai" da informática.

      Acho mais a "cara da Apple" essa segunda versão. 😉

    • TiãoGavi&atil

      Continuo iginorantiss….é Gay e pronto…uahuahuahuah

      • JanjaBoy

        O que sei que que TODA vez que tem um travol no OSX, o pessoal fala: "deu bola boiola!" 😉

  • bemloco

    Cara,otimo post.Mas,eu acho que o blog está levando em conta de mais essa doença do Steve Jobs,eu sei que é serio,mas ele vai sair dessa.Foquem menos em Steve.

    • O problema é que, não sai MAIS NADA sobre Apple, e só sobre Steve :(.

  • bemloco

    Ah,e o iPodSchool está a cada dia mais interessante pelo meu ponto de vista,bom trabalho.

    • Muito obrigado pelo elogio :D. Agradecemos e esperamos sua próxima visita de braços abertos :D.