iPod School

O iCloud é bom, mas não é tudo o que eu esperava

André BazagliaAndré Bazaglia

Meu objetivo, através desta matéria, não é anunciar o iCloud. Isto qualquer blogzinho faz, isto o próprio site da Apple faz. Meu objetivo, por meio deste artigo, é mostrar porque o iCloud poderia ser melhor do que já é.

O iCloud nada mais faz do que guardar suas músicas, fotos, calendários, e documentos em geral. Muitos podem pensar: “Genial!”. Mas não é assim que penso. A Apple, por meio de seu site, afirma que o iCloud é muito mais do que um disco rígido nas nuvens. Mentira, pois nem um disco rígido ele é: os 5GBs iniciais são miseráveis: muito pouco, em minha opinião. Mas tudo bem, isto é o de menos. Vamos ao que realmente interessa após o break deste artigo, logo abaixo.

Imagine só: compartilhar fotos, músicas e documentos, livros, emails e mais entre todos os dispositivos? Para começar, não podemos colocar músicas nos aparelhos sem o iTunes: é comum que TODA a biblioteca da pessoa esteja no iTunes, e ela usa exclusivamente ele para organizar sua biblioteca musical. Todos aparelhos, desta maneira, assim que sincronizados, já terão a mesma biblioteca musical. O mesmo é válido para os livros. Sobre as fotos? Está aí uma função um pouco melhor, realmente será um pouco útil, não posso negar. Sobre a sincronização de calendários, também passo: ela já era possível através do MobileMe ou até mesmo pelo Google Calendar GRATUITAMENTE. E para finalizar, sobre os e-mails sincronizados, realmente prefiro não comentar: as caixas de entrada ficam sempre no servidor desde sempre! De qualquer lugar que você acessar, a mesma lista de e-mails será baixada do site do seu provedor! Qual a necessidade de tal sincronização?

Ah, mas ele guarda toda a data interna dos seus aplicativos, os ajustes do seu aparelho, seus ringtones e a organização da sua homescreen! Realmente, este recurso é maravilhoso. Ops, mas espere aí: o iTunes já fazia este backup automaticamente.

Mas e o iTunes Match?

O papel principal do novo serviço da empresa de Cupertino é transformar em “legais”, para o iTunes, as músicas de sua biblioteca. Não apenas as músicas que você, jovem pecador, “tomou propriedade” pelos diversos compartilhadores P2P que existem por aí, mas sim trilhas advindas de CDs legalmente comprados, por exemplo.

Isto pode significar que muita gente certamente irá se aproveitar disto para burlar o iTunes: baixará músicas ilegalmente na internet e apagará elas para ter o download da música original. A gambiarra terá um preço de U$25 anuais. Uma miséria, pelo limite de 20 mil músicas que oferece. Algumas gravadoras, como por exemplo a Sony Music, temia que a situação de conflito entre as músicas originais compradas e pirateadas – e elas temem que o número de músicas pirateadas aumentem, desta maneira

Quer testar o iCloud?

No aplicativo Ajustes, vá no menu Lojas e, logo em seguida, ative os recursos que lhe interessar. Você já estará ativando os recursos em fase beta do iCloud, desta maneira. As opções disponíveis são: Aplicativos, Livros e Músicas.

Como não tenho livros comprados em minha conta, não aparece a opção livros na tela acima.

Mas porque o iCloud não foi tão maravilhoso?

A Apple enfatizou demais o uso deste recurso nos iPhones, iPods e iPads. A área certa deles é em Macs, acredito: sempre acontece do usuário apagar um arquivo acidentalmente, o iCloud poderia evitar este tipo de situação desagradável.

Além disto, acho que faltou o toque de distorção de realidade da Apple. Eu realmente achava que a Apple iria apresentar algo fora da realidade hoje em relação à essa tecnologia, inclusive talvez até foi a expectativa muito alta que me fez enxergar o iCloud como um recurso “normal”, sem muita importância. Sinto que falta algo extraordinário na tecnologia da cloud computing que nenhuma empresa ainda descobriu. Espero que a Apple seja a primeira a descobrir, pois vejo um grande futuro pela frente, tenho apostas altas nesta “tecnologia da nuvem”.

Observação: a impressão inicial não se compara com o uso do dia-a-dia, daí sim terei uma opinião real formada e poderei compartilhar novamente com vocês, leitores.

Programador, blogueiro, estudante de Engenharia de Computação. Em busca de deixar sua marquinha no universo.

  • Fábio

    …concordo…

    Me fez pensar de uma maneira diferente…

    • Pois é! O pessoal está enxergando isto como algo novo e revolucionário. Tudo já era possível, mas por meio de cabos. O iCloud apenas facilita um pouco as coisas, para alguns.

      • Precisou lembrar que já tinha isso tudo pelo cydia:

        Wi-fi sync

        Mobile notifcator

        A Apple vai precisar pena nas próximas Keynotes

        • Inclusive boa parte disso o Mobile Me faz e ainda faz melhor!

          20GB de HD…

      • Daniel Ricarte

        Baixei o iTunes 10.3 aqui para testar esse recurso… o que ele faz na verdade é realizar DOIS downloads ao mesmo tempo :S

        Se comprar algum app no iTunes, ele automaticamente já faz a compra no iPhone… deixando a banda inclusive mais lenta… em meu ponto de vista, ele deveria baixar o app onde foi realizado a compra e depois de baixado ele compartilhar com as outras contas, não baixando duas vezes pela internet o mesmo app, já que está na mesma rede, poderia usar o compartilhamento local…

  • João

    Finalmente um blog com post sem fanatismo!

    Parabéns ao realismo da matéria, coisa rara em blogs que, literalmente, veneram qualquer coisa que a Apple faça.

    Sou usuário Mac e iPhone, mas tudo tem seu limite. Critico onde precisa, elogio onde precisa.

    parabéns de novo!

    • Cléber

      O nível do blog está ficando muito bom mesmo.

      Acho um "p* falta de sacanagem" aqueles artigos "baba ovo",mesmo quando o recurso é bom, afinal, ninguém tem acesso a isso de graça, é muito bem pago.

      Quanto a última keynote, eu acompanhei o lançamento da versão 3 e 4 dp iOS (que na época ainda era iPhone OS) e digo-vos: pela primeira vez fiquei realmente decepcionado!

      Tem uns bdi aí da vida que fala que foi a melhor coisa do mundo, e se vc discorda ele apaga teu post. Pelo menos estamos agora com um espaço bem menos parcial.

      Continue assim.

      • Achei q era só eu q pensava assim. Pensava q todos os usuários de Apples da vida eram zombies.

        E realmente bdi é fora do normal, parece mais um dono da Apple publicando lá do que alguém que quer compartilhar suas experiencias e passar informações.

        Até imaginei. "Vão malhar esse cara por ser crítico de um produto da maçã".

        Parabens, meu conceito de vcs subiu muito! Principalmente desse autor.

  • Minha opinião é exatamente a mesma…

    Como você mesmo coloco isso é uma impressão,talvez no dia-a-dia isso irá mudar tanto a minha quanto a sua opinião ou de nenhum de nós…(Sei que nenhum de nós é uma bando ¬¬)

    Assim como você acho que enfatizaram de mais isso nos Gadgets,não entendeu?Eu explico:

    É sim uma ótima plataforma para iOS mas seria mais interessante no Mac,o Steve teria de apresentar algo brilhante que justifique o "One more thing",dentre mais inúmeras coisas…

    Eu acho que a Apple com as Keynotes faz com que nós usuários criemos muito expectativa e acabamos sonhando de mais do que deveríamos e a Apple ,infelizmente,hoje não conseguiu me conquistar,eu realmente esperava mais…

    Valeu André por postar sua opinião um grande abraço.

  • Juliano Dantas

    " No aplicativo Ajustes, vá no menu Lojas e, logo em seguida, ative os recursos que lhe interessar."

    iPod Touch 3G 32Gb, não encontrei essa opção. Alguma luz?

    • Seu iOS já é o 4.3.3? Tem que ser para funcionar.

      Abraço.

      • É verdade no mru iPhone 4 que tá preso na 4.1 não aparece mas no meu iPod 4G(4.3.3) já aparece,inclusive livros.

        Abraço.

  • Felipe Criscuolo

    Olha, acho valida a opinião, porém, acho q não eh mto do perfil da Apple "dar" tudo de uma vez, ou seja, eh uma empresa com os pés no chão. Deve-se ter paciência! Foi um passo promissor.

  • Talisson

    Respeito tua opinião, mais…..

  • Bruno

    As musicas não são incouidas nos 5gb, e 5gb seriam umas 2mil fotos e um pa de arquivos.

  • marleilson

    Tenho uma duvida sobre esse armazenamento nas nuvens.

    Eu vou poder armazenar musicas no icloud e ouvilas no ipod sem a necessidade de armazena-la na memória interna?

    Grato!

  • Martin

    andre, vc esta certo, o icloud poderia ser melhor, mas ha um detalhe, a sincronizaçao do itunes ,e apenas possivel se voce conectar o gadget no computador. Esse, pra quem tem um desktop, fica em casa o tempo inteiro e nao e muito conveniente levar ele pra la e pra ca – laptop e outra coisa. o Icloud possibilita a sincrnonizaçao em qualquer lugar com internet, em casa ou longe. Eu que tenho um itouch de 8 gb nao posso levar todas as minhas bibliotecas comigo e por isso vejo utilidade no recurso. (minha opiniao).

    Gostei muito do post. Que voce e o ipodschool continuem assim!

  • Bruno Frizzo

    Eu acho que tirando as notificações que qualquer um poderia ter através do mobilenotifier e o novo Mac OSX Lion essa WWDC nem foi tão boa QUANTO ESTÃO DIZENDO. A maioria das idéias já existiam e, sobre o iCloud desde quando anunciaram eu nem fiquei esperando muito.

  • sergio

    Concordo cm vc Andre…

    outra coisa e o iMessage o bbm p ipnone!!!

    bullshit, me parece pior q o Whatsapp!!!

  • Marina Isabella

    Dinheiro não da em arvore, você pode aumentar o tamanho do espaço, mas pagando, a Apple ja fez muito para nós e ainda tem gente que reclama, 5 gb ja está de bom tamanho para algo que é de graça. É, essas coisas acontecem em tudo que é produto, reclamam por atualizações, e quando são feitas simplesmente reclamam mais, nunca ficam satisfeitos. A diferença é você se colocar no lugar de uma empresa que tem que ter lucros e não simplesmente transformar um produto em algo super mega avançado que te deixa invisível.

    • Se um produto for mega fodastico ele certamente vai elevar essa empresa nas alturas.

      Não tem dessa de ter dó não, eles estão ganhando muito bem para fazer bem feito. Eu não pago 2.400 contos num iPhone para ficar felizinho por qualquer coisa, o mundo capitalista é exigente, e os consumidores tbm devem ser.