Press "Enter" to skip to content

Coisas da Apple que irritam…

Ok, a Apple é revolucionária, só tem produtos legais, bonitos e descolados. Mas existem certos pontos relacionados ao seu mundo (não somente à empresa em si) que são chatos. Uns são compreensíveis, outros não. Vejamos os cinco que se destacam.

1. Janelas que não maximizam

Quem aí acha todos os programas abertos?

Quem usa o Mac OS X sabe que ele é rápido, seguro e prático. Mas por quê diabos não implementar a função de maximizar as janelas dos programas? Só alguns aplicativos aceitam a função, enquanto a maioria não se ajusta a tela adequadamente. Os métodos para fazer essa alteração no sistema causam erros em grande parte das vezes. Podem chamar de inovação, mas ao menos por aqui causa perda de produtividade e, também, de paciência.

2. Telefones de suporte que não funcionam

Se você não tiver disposto a pagar quantias de até R$1.200,00 pelo serviço AppleCare, se prepare pra sofrer quando quiser falar diretamente com a Apple. Não existe uma maneira fácil de entrar em contato com eles via e-mail, e o telefone  exposto no site raramente funciona. A solução é ir em fóruns especializados, dentre eles o do site oficial (em inglês, mas de grande ajuda) para tentar achar a solução do seu problema.

3. Rumores legais que demoram ou não viram realidade

As funções mais esperadas, finalmente incorporadas: multitasking, câmera frontal e flash na traseira.

Ok, essa meio que perdeu força depois do anúncio do iPhone OS 4 e do episódio “perdi um protótipo do iPhone 4G”, disponibilizando as esperadas multitasking e câmera frontal. E até que faz sentido. Como o próprio Steve Jobs ressaltou na última Keynote da Apple, os caras demoram a trazer uma novidade porque, quando o fazem, são melhores do que os outros. E a ausência de Flash (a plataforma, não a lâmpada) no iPhone faz sentido. Olha o HTML5 aí.

4. Bluetooth funcional no iPhone

Outra que é compreensível, mas é um pé no saco e obriga muitos usuários a fazer jailbreak só por conta disto. Incomoda muito não poder enviar uma foto por bluetooth para o Nokia do amigo, mas convenhamos: como será que as gravadoras que dão vários privilégios para a Apple disponibilizando suas músicas para a iTunes Store (essencial para a liderança mundial no ramo de lojas de músicas virtuais) iriam reagir? Será que existe uma maneira de garantir que essa abertura para envio de fotos via bluetooth excluiria brechas no compartilhamento de músicas pagas?!

5. Messenger decente para o Mac OS X e versão em português do MobileMe

Um dos fatos que influenciam pesadamente a decisão dos usuários que estão saindo de um PC para um Mac. Não tem como. Adium, aMSN, Microsoft Messenger ou Mercury: nenhum destes tem um visual tão legal (ou funcionam tão bem) como o Windows Live para PCs. Todos tem consideráveis bugs: webcam o quê? (ignorem a versão 8 beta do Windows Messenger, cheia de bugs), travam, não mostram a imagem de exibição, envio de arquivos/login demorado e exibição de emoticons só quando eles estiverem de bom humor. Tudo bem que pedir um messenger oficial da Microsoft tão bom quanto a versão do Windows é meio utópico, mas pelo menos uma interação decente iChat – Messenger já ajudava bastante. E quão trabalhoso deve ser disponibilizar uma versão em português do serviço de e-mail MobileMe não só para os usuários brasileiros, mas ao menos nas línguas dos países que possuem uma Apple Online Store?!

É claro que tudo isso é compensado pelos prós dos produtos da empresa na hora de escolher. É só perguntar a qualquer usuário Macintosh: qual é a sensação de voltar a usar um Windows?