Press "Enter" to skip to content

AppShopper volta à App Store

appshopper-appgratis

‘AppShopper’ e ‘AppGratis’ são dois exemplos de apps que foram removidos da loja virtual de aplicativos da Apple por bater de frente com algumas das regras da política da App Store que já prevê a não-aprovação e a remoção de aplicativos dessa categoria. Primeiramente, na diretriz 2.25, temos que “aplicativos que exibem aplicativos diferentes dele mesmo para compras ou promoção de uma maneira similar ou se confundindo com a da App Store serão rejeitados“. Mais uma regra completa o cheque-mate que justifica a remoção de serviços que exibem apps em promoção na App Store: da diretriz 5.6, temos que “aplicativos não podem usar Notificações Push para enviar anúncios, promoções ou marketing direto de qualquer tipo”. Ah, e vejam bem: o AppShopper e o AppGrátis fazem exatamente isso!

No final de 2012, o AppShopper foi removido da App Store. No começo deste mês, foi a vez do AppGratis. O CEO da empresa, certamente desesperado ao ver o prejuízo que a remoção de seu app da maior loja virtual de aplicativos do planeta ia causar, lançou seu problema para a internet toda por meio de um post super emotivo – aposto que ele o escreveu enquanto chorava – no blog oficial do AppGratis.

Quando tudo parecia estar coerente na App Store, tendo em vista que dois aplicativos da mesma categoria foram banidos pelo mesmo motivo, a Apple reaprova o AppShopper. Baixe-o gratuitamente antes que a Apple mude de ideia (de novo).