iPod School

Anatel divulga resultados de medidores de banda larga referentes ao mês de julho

Bruno De BlasiBruno De Blasi
telecom-options_1024

A Anatel divulgou hoje os resultados referentes ao EAQ, que é um programa que mede a qualidade da banda larga móvel e fixa no Brasil utilizando voluntários de diversas partes do país. Os resultados – um pouco surpreendentes – disponíveis atualmente são correspondentes ao mês de julho de 2013, e engloba estados como São Paulo, Rio de Janeiro, Minas Gerais, Paraná e Rio Grande do Norte.

Nos estados do sudeste, os resultados foram satisfatórios. Em São Paulo, nenhuma operadora fixa obteve resultados abaixo do esperado, embora não possamos dizer o mesmo para telefonia móvel. TIM e Vivo ficaram abaixo da meta no quesito velocidade instantânea. No Rio de Janeiro, a Oi e a NET foram as operadoras que mais tiveram destaque em banda larga fixa, mas a Oi ficou bastante abaixo em perda de pacotes. Já em telefonia móvel, por incrível que pareça, em velocidade instantânea, a Vivo não se deu muito bem, e a TIM foi quem obteve destaque. Mas as boas notícias vão para o estado mineiro: nenhuma operadora abaixo das metas.

Já no Paraná, no sul do país, não houve operadora abaixo da meta, com exceção da Oi, que mais uma vez ficou abaixo em perda de pacotes. No setor de telefonia móvel, todas as operadoras locais ficaram acima das metas. Por fim, no Rio Grande do Norte, onde só houve medição na banda larga fixa, todas as operadoras apresentaram bons resultados. No entanto, mais uma vez, a Oi perde o destaque com uma queda absurda em latência, tendo 14,02% (necessitando de 85%). Um resultado muito crítico.

Os resultados foram bons, mas podem melhorar, principalmente na banda larga móvel. Caso deseje conhecer mais sobre o programa de medição e até participar, obtenha mais informações no site oficial – é tudo gratuito. Os resultados mais detalhados e com mais informações sobre a medição de julho estão disponíveis em um PDF (que pode ser visto por este link).