iPod School

Algoritmo de busca da App Store fica mais inteligente

André BazagliaAndré Bazaglia

app-store

Uma letra errada em uma string de busca enviada pela a Apple Store já causava um resultado totalmente fora do que o usuário tinha a intenção de originalmente pesquisar. O sistema de busca da App Store era, até então, muito simples. A string digitada pelo usuário era comparada, por uma “query”, com todas as entradas de nomes de aplicativos no banco de dados. O algoritmo, que é o conjunto de instruções executado pelos servidores da Apple para retornarem uma resposta ao usuário, certamente levava em consideração outros fatores – aos quais não temos acesso, mas os resultados nem sempre eram tão precisos. Principalmente nas situações de erros de digitação acidentais por parte de usuários. “Angrey Birds” ao invés de “Angry Birds” é um clássico exemplo.

Olhando para a concorrência, temos o Android, que é o sistema operacional para smartphones desenvolvido pela Google, que é, coincidentemente, a mesma desenvolvedora do Google.com, o maior e melhor motor de busca da internet. A consequência é bastante óbvia: usuários do Android sempre se deram ao luxo de digitar da maneira que quisessem os aplicativos, o que causa um bom conforto ao usuário busca por um título que não é escrito em seu idioma nativo.

google-play-busca

É óbvio que a Apple sempre esteve ciente da sua posição de inferioridade nesse aspecto. Por isso, ganhamos um presente. A gigante cupertiniana melhorou a situação e tornou as buscas da App Store mais precisas e confiáveis para os usuários do iOS. Experimente você mesmo: o exemplo do “Angrey Birds” usado no início da Apple Store é uma boa sugestão.

A Apple pode ser melhor em muitas coisas, mas perde para outros sistemas operacionais em alguns aspectos. O sistema de busca é um bom exemplo disso, e é legal ver a Apple correndo atrás de melhorar e manter sua posição de soberania no mercado de smartphones e tablets.

Com informações: TC.

Programador, blogueiro, estudante de Engenharia de Computação. Em busca de deixar sua marquinha no universo.

  • Leonardo

    Já não era sem tempo. Antes tarde que nunca! =D