Jobs Steve Jobs: há um ano, perdíamos nosso mestre

Há exato um ano, morria o homem que revolucionou o que era conhecido como informática. Eu lembro que eu estava no computador quando começou o “Jornal Nacional” e minha mãe, sabendo que eu era fã da marca, me disse: “Bom filho, tenho uma notícia não muito legal: Steve Jobs morreu.”, e eu fiquei sem chão. Me vieram lágrimas na hora, junto com um sentimento de que ficaria faltando algo ao nosso mundo de apaixonados por iDevices. Me emocionei muito ao ler um post no blog quando eu ainda não fazia parte da equipe.

Me lembro claramente de minha reação ao ver a matéria do jornal pois, até aquele momento, não tinha caído a ficha.

Abaixo, uma homenagem do blog ao eterno Steve:

Ontem, a Info publicou em seu site uma linda matéria sobre a vida desse gênio. Sua vida, seus trabalhos e empresas que passou.

Foi muito dito que a Apple fecharia, que não seria mais tão revolucionária. E, até hoje, leio muito nos comentários de nossos leitores que “a Apple nunca mais será a mesma sem Steve”. E eu concordo. Um mestre dos negócios, ele tinha a capacidade de extrair o máximo das pessoas, fazendo com que elas se surpreendessem consigo mesmas. Como o iMark, um de nossos autores, gosta de falar “eu fui pego pelo campo de distorção de Steve”.

Steve Jobs faleceu devido à um câncer, que vinha tratando há muitos anos. Eu li sua biografia oficial e me surpreendi ao saber que isso poderia ter sido evitado. Há anos ele mantinha uma dieta um tanto curiosa. Às vezes alternava entre sucos estranhos, outrora apenas cenouras. E isso fez com que faltassem vitaminas à ele, agravando seu caso. Mas o mais estranho de tudo é que o câncer foi descoberto no início e, mesmos seus médicos, esposa, filhos, amigos e colegas de trabalho implorando para que ele aceitasse, ele não quis fazer uma cirurgia. Veio a fazê-la, mas somente em 2009.

 Maried Steve Jobs: há um ano, perdíamos nosso mestre

Jobs e sua esposa, Laurene, em sua última aparição pública, em junho de 2011. Ele já estava bastante debilitado.

Na página inicial de seu site, a Apple publicou uma linda homenagem. Veja:

Ao contrário do que muitos diziam, a Apple não ruiu. E eu acho que isso nunca acontecerá. O espírito de Steve está entranhado em seus ex-colegas de trabalho. Acho que, mesmo com a “decepção” de alguns usuários com os novos produtos, a Apple tem muito a mostrar.

stevejobs Steve Jobs: há um ano, perdíamos nosso mestre

Muito obrigado ao nosso eterno professor Steve Jobs.

Caso você queria prestar uma homenagem ao Jobs, você pode entrar nessa página ou comentar aqui no blog mesmo.

Por favor, não use esse post para proferir ofensas ao Steve Jobs. Você pode criticar mas não difamar. Por favor, respeite todos os que gostavam dele.

8 respostas para Steve Jobs: há um ano, perdíamos nosso mestre

  1. Nossa, e pensar que comprei meu primeiro iDevice faltando 1 semana pra ele morrer, e com esse pequeno tempo ja pude me apaixonar pela empresa… Descanse em paz mestre Jobs.

    • Qaiq Alves disse:

      Vinícius, se eu fosse você eu guardaria esse iDevice, atém mesmo como uma lembrança. Qualquer usuário, seja ele de Linux, Windows ou Android, que realmente gosta de tecnologia se apaixona ou, no mínimo, admira os produtos da gigante de Cupertino.

  2. Otavio disse:

    ↑↑↑ Nossa, vamos fazer um Altar pro Job ↑↑↑

  3. Daniel Lima disse:

    Digite o texto aqui!

  4. Daniel Lima disse:

    UM EXEMPLO DE VIDA!

  5. Esse cara pra mim foi um MITO! Mas mesmo assim: "Pois, que adianta ao homem ganhar o mundo inteiro e perder a sua alma?" Marcos 8:36

  6. gabriel disse:

    saldade

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>