É isso mesmo que você leu. O novo iPhone ainda não chegou oficialmente em Israel, mas através do mercado paralelo ele entra facilmente (também) pelo país e chega até a Faixa de Gaza, onde pode ser encontrado por até o dobro do preço do mercado Americano (!).

iphone 5 640x276 Apesar da pobreza e dos conflitos, iPhone 5 está sendo bem vendido na Faixa de Gaza

iPhone 5 já pode ser encontrado na região da Faixa de Gaza

Apesar do enclave palestino, o novo Smartphone da Apple chega para os compradores através de túneis de contrabando desde Dubai. O preço sobe devido aos intermediários da sinuosa rota de entrega que parte de Dubai e chega aos túneis que ligam o território ao Egito. É o que afirma a Folha.

O novo iPhone ainda não tem previsão de chegada em Israel e vale ressaltar que juntamente com o Egito esses países mantém um forte bloqueio a Gaza, que fica impedida de receber qualquer produto que possa ser usada para fins militares – o iPhone, apesar de não está dentro dessa lista, poderia ser caracterizado como um produto dessa natureza? (Para refletir).

Porém, há duas semanas os smartphones já são encontrados no território, fontes afirmam que algumas lojas de celulares no centro de Gaza já possuíam o aparelho. Conforme notícia da Folha, os preços variavam de 4.500 shekels israelenses (US$ 1.170) para o modelo de 16 gb a 5.700 shekels (US$ 1.480) para o de 64 gb.

Um negociante da região, afirmou que encomendei 30 e até agora já vendi 20, completa dizendo que podemos encomendar o tanto que quisermos. Mas a maioria das pessoas está esperando o preço cair. Eles estão muito caros.

O curioso disso tudo é que a empresa de Cupertino não tem nenhum representante na localidade, cuja liderança do Hamas está em conflito com Israel. Interessante também foi o que noticiou o jornal Israelense Maariv que relatou a ausência de Jerusalém como a capital de Israel no polêmico aplicativo de Mapas da Apple e que o aplicativo World Clock mostra Jerusalém como uma cidade sem um país associado.

Geopoliticamente, só para complementar essa matéria, sabe-se que o Estado de Israel considera Jerusalém a sua capital, já os palestinos reivindicam Jerusalém oriental como a capital do Estado que esperam criar em um acordo de paz com Israel, com a ajuda da ONU (ou não).

3 respostas para Apesar da pobreza e dos conflitos, iPhone 5 está sendo bem vendido na Faixa de Gaza

  1. Juliano Huzalo disse:

    Impressionante

  2. Rafael disse:

    O mais interessante é que ainda assim sai mais barato que no Brasil.

  3. Israel!! =D vou pra la no fim do ano =)

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>