Olá caro leitor, hoje vou comentar sobre um aplicativo especial, e que também é destinado para pessoas mais do que especiais, pessoas estas que possuem dificuldade para se comunicar. Produzido por um desenvolvedor brasileiro e totalmente em português, penso eu que este programa pode ajudar no tratamento e terapia de crianças Autistas e por que não dizer também para auxiliar os idosos que não conseguem se comunicar ;) .

LiVox Dica de aplicativo para pessoas especiais: LiVox destinado para pacientes com problemas de comunicação (atualizado)

;

O aplicativo LiVox é o primeiro programa lançado para o iPad ou tablets totalmente em português! Obra do desenvolvedor Carlos Pereira, da Reamo Beike, este software tem auxiliado muitos pacientes com problema de comunicação, lhes proporcionando um estilo de vida mais digno.

Nós do blog iPod School, apoiamos e parabenizamos o analista de sistema Carlos Pereira por sua iniciativa pioneira, tendo em vista que até então, não existiam aplicativos nacionais voltados para estas pessoas especiais!

Aproveite e assista o funcionamento deste aplicativo no vídeo abaixo:

Quem sabe agora outros desenvolvedores brasileiros também sigam o exemplo dele e lancem também aplicativos destinados para estes usuários, que não são poucos e eu vou baixar e instalar este programa com certeza :) .

Se você quiser mais informações sobre este programa basta entrar no link abaixo, clicar na opção ¨EU QUERO¨ e informar o seu nome e e-mail.

http://www.agoraeuconsigo.org/livox.php

Dica da Joelma Pecoraro

Atualização: Eu gostaria de pedir desculpas, pois eu soube somente agora via e-mail que este software é destinado somente a tablets com o sistema Android. Peço mais uma vez, minhas sinceras desculpas :( .

Via: DeficienteCiente

14 respostas para Dica de aplicativo para pessoas especiais: LiVox destinado para pacientes com problemas de comunicação (atualizado)

  1. Joao Vr disse:

    mt legal o app mas poderia ter para iphones tbm acho que seria mais acessivel 

    • iMark0 disse:

      Sim! É uma bela sugestão! Então por favor entre no link que está no post, clicando na opção ¨Eu quero¨ vai abrir uma aba, lá você pode colocar esta sugestão, lógico, se você quiser ;) .

      Abraços e obrigado por seu feedback :) .

  2. Andre disse:

    Muito bom em termos de tecnologia… foi vinculado em outros sites que o mesmo era gratuito. Mas não é. E é bem caro por sinal, entrei em contato com eles e só é possível fazer download se for lá na clinica em Recife e fizer consultas etc.. Imagina a situação no meu caso de estar no sul do país e ter que ir a Recife com um paciente que não tem condições físicas nem financeiras. muito louvável o projeto mas de gratuito não tem nada.

  3. Silvia2336 disse:

    Verdade, não é gratuíto e só compra quem faz o curso em Recife. Uma pena.

    • iMark0 disse:

       É verdade, peço desculpas pela minha falha. Mas aparecendo novidades nesta área postarei aqui.

      Abraços

  4. Lu2012 disse:

    Um pai de uma criança especial dos Estados Unidos (Victor Pauca) desenvolveu um aplicativo de comunicação alternativa para seu filho, que possui uma síndrome rara (Síndrome Pitt Hopkins) e tem dificuldade de comunição. Este aplicativo-VERBAL VICTOR- é exclusivo para iPhone, iPod e iPad e custa $ 6,99. Ele foi desenvolvido em inglês, mas é totalmente adaptado. Pode tirar fotos dos objetos e gravar na voz do locutor o nome para cada figura ou ação.

    Esta a venda no site da apple, segue link.
    http://itunes.apple.com/us/app/verbal-victor/id41

    Obs: É uma pena que este pai que desenvolveu o LiVox (e conhecedor desta realidade) não tenha feito como este pai americano, pois perdeu uma grande oportunidade de ajudar outras famílias, disponibilizando para todo o mundo um aplicativo que ajudará muitas crianças e adultos com dificuldade de comunicação.

  5. elza disse:

    Aqui no Brasil em primeira lugar é tirar lucro mesmo sabendo que podem ajudar outras familias que estão passando pelo mesmo problema, mas cada um tem sua consdiência e sua carater, pois tudo que é para deficiente tem um custo muito elevado e ai querem culpar os pais por nao derem um tratamento adquado, mas tambem existe muito propaganda enganosa dissendo que o custo do tratamento e das protese ou qual quer outro equipamento para deficiente é gratuito ,mas só na praopagando,mesmo aqueles conhecedor da realidade de um familia com deficiente nao estao disposto a facilitar as coisa pelo que pesquisei em outros sites sobre o livox nao é gratuito ,porque o vendedor do livox ou de outro produto não pode ser direto e claro dizendo o preço. pois tenho uma filnha deficiente e tinha muita esperança nessa propaganda dizendo que o tratamento era gratuito, mas é tudo uma ilusão .

  6. Marcio disse:

    Da mesma forma que o governo criou a lei dos genéricos, poderia intervir e de alguma forma, patrocinar ou subsidiar este aplicativo, pois alem de ser caro voce tem que ir a Recife passar mais de um dia fazendo o curso, trona-se inviável para a grande maioria.

  7. Luigi disse:

    Nao vejo nem um problema o criador do aplicativo cobrar por ele!! Questão de prioridades! Quem tem dinheiro para ter um IPad vai ter para comprar o aplicativo!! Com certeza se fosse um jogo nao achariam caro!

  8. Denis disse:

    Tenho filha especial, tenho condição de comprar iPad ou ir a Recife, mas lamento muito ter que ser dessa forma. Deveriam cobrar sim, mas liberar o download para QUALQUER pessoas do mundo, inclusive em outro sistemas. Tenho certeza que se fosse gratuito, aceitando doações, ganhariam até mais dinheiro, que parece ser o objetivo final….infelizmente. Como estou decepcionado.

  9. Ana disse:

    É uma pena mesmo…tenho um filho especial Moro aqui em Natal,ja fui varias vezes a Recife.
    Mas gratuito não tem NADA.
    Infelizmente aqui é Brasil.

  10. Pedro disse:

    Vejo as pessoas criticando o criador do Livox, mas ninguém conhece a estória dele e nem parou para pensar que o rapaz dedica o seu tempo de trabalho aperfeiçoando o software, gasta em viagens para divulgação, precisar trabalhar para (dar comida e roupa a sua filha), ou seja, sustentar a família e vem tentando todo este tempo tornar o acesso gratuito através do Governo com viagens e mais viagens. Isso tudo tem um CUSTO, infelizmente. O rapaz nunca recebeu um centavo de incentivo para ajudar na criação do software. O problema é que o equipamento não é uma PRIORIDADE para os filhos de quem reclamam e somente reclamam. Se fosse um videogame para joguinhos, uma TV LCD ou outras coisas que são colocadas como prioridades de alguns, ninguém reclamava de valores. O preconceito esta em casa, onde em muitas famílias o bem estar do deficiente não é prioridade. Infelizmente não existe ainda um Bolsa Software. Antes de criticarem, leiam como eu li a estória do rapaz, procurem conhecer a verdadeira estória antes de tecer críticas e juntem-se a ele em busca de melhorias para seus filhos.

  11. Daniel P. do Amaral disse:

    Tudo bem que não seja gratuito, mas ouvi de uma amiga que precisa dele que custa R$ 1.300,00!!!
    O que seria mais fácil, vender pra 10 pessoas em um ano, por esse preço, ou vender pra 100 mil pessoas a um preço mais "justo", como $ 9,99?

  12. maria do carmo disse:

    fiquei decepciona quanto ao custo.O pior é ter que ir para Recife.para mim que moro em Belo horizonte/MG fica muito caro e difícil.Tenho uma filha autista e acho que ajudaria muito,mas infelizmente só rico poderá ter acesso.Mas é Brasil,pais dos ladroes que só pessam neles mesmo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>