A Foxconn sabe que se a produção do iPad no Brasil for mais rápida, ela vai lucrar muito com isso. Então, para adiantar a produção do tablet aqui, Terry Gou, dono e fundador da Foxconn, enviou mais uma carta para a presidente do Brasil, Dilma Rousseff. A carta trata sobre acordos, obviamente.

ipad2 brasil Foxconn no Brasil: montagem do iPad poderá começar em JulhoSegundo o jornal Folha de São Paulo, a carta que Gou enviou para Dilma tinha algumas exigências. Uma delas era que os passaportes dos 200 engenheiros que vão trabalhar na fábrica aqui fosse liberada rapidamente, para que os mesmos fossem até a China para receber as instruções e o treinamento para a produção do device.

Outro detalhe que foi pedido por Gou, que aliás vem sido discutido a muito tempo, era a carga tributária feita pela Receita Federal aos tablets. Os tablets, hoje, são classificados na categoria de “Computadores”, mas Gou quer que eles vão para a categoria de “notebooks”, assim eles terão uma diferença absurda na taxa e também o valor dos produtos aqui no Brasil ficaria muito melhor. Não somente o do iPad, a de outros tablets também (como: Galaxy Tab II; XOOM).

Em resposta à carta, o Brasil disse que as exigências são ousadas e que eles farão tudo que for cabível. Vamos cruzar nossos dedos e torcer para que tudo dê certo.

via

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>